Roberto Manzini - Centro Pilotagem

Pilotagem Defensiva

Notícias

Aluno do Centro Pilotagem garante a liderança do campeonato da Stock Car

Saldo muito positivo para a Red Bull Racing na quinta etapa da temporada da Stock Car, disputada neste domingo (28), em Santa Cruz do Sul (RS). Veja só: pódio para os dois pilotos e liderança do campeonato de novo nas mãos de Cacá Bueno. Daniel Serra recuperou-se muito bem de um treino classificatório difícil e foi o nome da segunda corrida. Principalmente pela manobra esperta que lhe deu o segundo lugar.

Aproveitou-se de um enrosco entre o companheiro de equipe e Max Wilson para ganhar duas posições na última volta. Cacá Bueno esteve o tempo inteiro na disputa pela vitória e terminou na terceira posição. Valdeno Brito ganhou. Na primeira corrida, vencida por Marcos Gomes, Cacá havia sido o sexto colocado e Daniel Serra, o décimo. Agora, Cacá soma 113 pontos e lidera o campeonato. Serrinha segue na briga, em quinto, com 84 pontos.

Largando na pole position, Valdeno Brito conseguiu sustentar a posição. Cacá Bueno manteve-se em quarto lugar. Allam Khodair saltou à frente dele, mas em contrapartida Thiago Camilo perdeu posições. Deu na mesma. Logo depois, o pneu traseiro direito de Camilo foi para o espaço. O mesmo aconteceu com o então líder do campeonato, Júlio Campos, na quinta volta.

Enquanto isso, Daniel Serra ganhava posições. Já era o sexto colocado na décima volta. Valdeno enfrentou problemas com extrator e começou a perder posições. Marcos Gomes assumiu a liderança, seguido por Khodair e Cacá. Quando os pit stops começaram, a Red Bull Racing optou por estratégia mais conservadora, pensando nas duas provas.

Os dois pilotos perderam algumas posições e Cacá ainda sofreu atrás de carros mais lentos como Valdeno e Denis Navarro. Recebeu a bandeirada na sexta colocação. Serrinha ficou no décimo lugar. Como o regulamento prevê a inversão dos dez primeiros colocados para o grid de largada da segunda prova, isso significava pole position para ele.

Mas as coisas começaram quentes na segunda corrida. Na primeira curva, Valdeno tentou passar Serrinha a todo custo e os dois se tocaram. Pior para o piloto da Red Bull Racing, que caiu para o quarto lugar. Valdeno assumiu a liderança e Cacá foi no embalo, subindo para a segunda posição. E aí a corrida ficou entre esses dois pilotos.

Sempre no final da reta principal, Cacá colocava por fora e tentava a ultrapassagem, mas Valdeno conseguia segurar a posição. No final, tinha inclusive menos acionamentos do botão de ultrapassagem do que Cacá, mas mesmo assim teimou em vencer a corrida. Na última volta, Cacá viu a aproximação do terceiro colocado, Max Wilson, e precisou se defender.

Os dois entraram juntos na primeira curva, espalharam e abriram caminho para Daniel Serra, que recuperava-se muito bem do incidente da largada. Serrinha se meteu entre os dois e fez uma ultrapassagem daquelas de Fórmula 1 dos anos 80. Segunda posição para ele, repetindo o resultado que conseguiu por duas vezes em Santa Cruz do Sul no ano passado.

Cacá, terceiro colocado, pôde comemorar a liderança do campeonato.